Símbolo dos Bombeiros

A Cruz de Malta, símbolo dos bombeiros, começa a ser usada como símbolo na Idade Média, na época das Cruzadas – movimento político, militar e religioso europeu. A guerra envolvia o exército europeu contra o exército islâmico, a fim de conquistar o estado de Jerusalém. Para recuperar as terras, o exército islâmico bombardeava contra a cidade o “fogo sarraceno”, bombas incendiárias. Por conta do grande número de feridos durante as batalhas, um grupo chamado de Ordem dos Cavaleiros Hospitalários especializou-se no socorro e atendimento às vítimas.

Muitos cavaleiros entregavam aos Hospitalários o símbolo da Cruz, como forma de gratidão e fraternidade. Com o tempo, tornou-se uma tradição entregar uma medalha de honra em formato de Cruz para um membro. O nome “malta” deve-se ao fato de que os Hospitalários ficaram por muitos anos na Ilha de Malta.

Mas por que essa cruz foi escolhida como símbolo da profissão e tem grande valor para os bombeiros? A Cruz de Malta representa a união do homem com Deus, força do espírito, a ligação entre o céu e terra e, hoje, simboliza honra e valor, sacrifício e reconhecimento nacional e internacional.

É preciso ficar bastante atento para não confundir os desenhos, pois as Cruzes de diversas Ordens são bastante parecidas. Por exemplo, a Cruz de Pátea foi uma inspiração para a Cruz de Malta, sendo esta, mais arredondada e alesada. Observe e entenda cada representação no desenho da Cruz de Malta:

Cruz de Malta

As 4 pétalas

Cada pétala representa uma característica que o bombeiro precisa possuir para exercer bem sua profissão:

  • Bravura – Saber superar as adversidades sem se deixar abater.
  • Compaixão – Entender a dor alheia, ajudar o próximo sem considerar se é amigo ou inimigo.
  • Lealdade ao dever – Ser honesto, fiel a seus compromissos e obrigações.
  • Coragem – Ter dedicação e força de propósito.

As 8 pontas

  • Perseverança – Continuar firme no seu propósito.
  • Lealdade – Ser responsável e assumir os compromissos assumidos.
  • Destreza – Ter agilidade para cumprir as tarefas, aptidão.
  • Clareza – Saber compreender e se comunicar.
  • Observação – Estar atento e vigiar as próprias ações.
  • Tato – Conduzir um procedimento com cautela e prudência.
  • Simpatia – Ser atencioso e cortês com os outros.
  • Bravura – Enfrentar as dificuldades sem medo, com energia e acreditando no seu potencial.

simbolo-dos-bombeiros

Como o símbolo da profissão de Bombeiro é internacional, todos os componentes precisam ser preservados, ou seja, as inscrições em inglês foram mantidas.

  • “FIRE” – significa incêndio.
  • “RESCUE” – resgate e salvamento.
  • 1st AID, – abreviação, em inglês, de “primeiros socorros”.
  • CNBC – sigla para Conselho Nacional de Bombeiros Civis.